Esqueci minha senha cadastre-se
Visão dupla Está com dor de cabeça, fadiga ocular, olhos lacrimejando imagens borradas? Poder ser a diplopia.

O prezado leitor não se dá conta, mas neste exato momento em que reconhece e interpreta cada conjunto de letras formando palavras e frases ao longo de linhas que exigem um movimento horizontal de vai e vem, um complexo sistema mantém seus olhos alinhados e focando adequadamente o texto.

Para entender o que ocorre em nossos olhos quando lemos e porque a leitura para algumas pessoas é desagradável e um transtorno que afeta amplamente sua qualidade de vida; vamos dividir a visão em dois sistemas. A visão de longe e a visão de perto.

Neste dois sistemas, o componente responsável por manter nossos olhos numa posição adequada para olharmos um objeto longe ou perto são os músculos extraoculares. Os músculos extraoculares são um conjunto de seis pequenos e finos, mas poderosos músculos que trabalham em conjunto com os músculos do outro olho e movimentem nossos olhos em todas as direções do olhar.

Nos dois sistemas, eles trabalham de modo a manter nossos olhos sobre um alvo que pode ser um conjunto de letras no papel ou num objeto distante, como um pássaro voando.

Vamos fazer um experimento para entender melhor. Estique seu braço com o dedo polegar para cima e tente alinha-lo com um objeto na parede, por exemplo o interruptor de luz.

Se tudo estiver bem, você notará que para você olhar sobre seu alvo precisará fechar um dos olhos. Não estranhe isso porque não há nada errado com eles. Observe que ao tentar alinhar, se você olhar para seu polegar verá dois alvos em segundo plano, ao mesmo tempo em que, se olhar para o alvo verá dois polegares e vice-versa.

Esse é o fenômeno de paralaxe, que é a medida da aparente mudança de posição de um objeto em relação a um segundo plano mais distante, quando esse objeto é visto a partir de ângulos diferentes. A  diferença aqui é o ângulo formado pelos dois olhos e o objeto.

Esse fenômeno só ocorre porque você está vendo bem com os dois olhos, mas para que ambos funcionem em perfeito alinhamento, os músculos oculares trabalham para manter seus olhos na mesma linha de visão. Se não fosse assim, você veria as coisas duplicadas o tempo todo, é o que chamamos de diplopia.

A diplopia não é uma doença mas pode ser causada por alterações nos músculos ou problemas ao redor dos olhos. Um exemplo comum é o estrabismo em adultos. A visão dupla se manifesta em condições extremas e acima da capacidade dos músculos manter os olhos alinhados, ou seja, antes de sentir a diplopia, as pessoas podem sentir grande desconforto devido ao esforço muscular na tentativa de compensar um desequilíbrio.

Temos a diplopia natural ou fisiológica, que você percebe dois objetos no campo de visão em paralaxe . Observe seu polegar novamente. Certamente você o vê único, mas os objetos além dele estão duplos.

Se você alternar olhando para o alvo e voltar a fixar no seu polegar notara que seus olhos para longe se afastam ou divergem. Quando fixam o polegar, seus olhos se aproximam ou convergem.

Na convergência, os olhos ficam alinhados para tarefas da visão de perto, entre elas a leitura. Um outro sistema trabalha dentro do olho ajustando o foco; é chamado de acomodação, que apesar do nome, trabalha ativamente para ajustar o foco em conjunto com a convergência.

Doenças como estrabismo, ou a falta de óculos, podem afetar a qualidade de leitura gerando grande desconforto. A ingesta de excessiva de álcool, toxinas e drogas podem provocar diplopia.

Outro fator importante, independente dos olhos é o cansaço físico. O trabalho várias horas na frente do computador pode ser fatigante, afetando também os músculos oculares. Muitas pessoas se queixam exatamente dor de cabeça, de fadiga ocular e que seus olhos lacrimejam, ardem, e as imagens ficam borradas.

Se você está tendo dificultadas para leitura e se sente cansado, experimente sempre ler após um período de repouso. Faça pausas e olhe para longe. Procure igualmente ambientes confortáveis, com boa iluminação, se mesmo assim continuar com dificuldades consulte seu médico-oftalmologista. Evite se medicar com colírios, comprar óculos sem receita ou usar óculos de outras pessoas.

 

Luiz Cláudio Lima

Para saber mais:
Lent, Roberto. A visão das coisas. Estrutura e função do Sistema Visual, em Cem Bilhões de Neurônios – Conceitos Fundamentais de Neurociência. Ed. Atheneu, São Paulo. 2001- pag. 271-309

Colaborador

Nome
Luiz Cláudio Lima

Oftalmologista amigo e colaborador do Cada Dia Professor Assistente de Oftalmologia da UFF, Mestre em Ciências Médicas e se dedica aos transtornos da visão binocular e estrabismo.

Entre em contato [+] Conheça outros Colaboradores
Contato com Luiz Cláudio Lima:
0
Comentários
Adicione um comentário
Mais sobre Saúde
Daltonismo Daltonismo

O que é Daltonismo? Quem são os mais afetados? Tem cura?

A coluna vertebral A coluna vertebral

A coluna foi projetada para sustentar o peso do corpo todo.

Benefícios de deixar de fumar Benefícios de deixar de fumar

Deixar de fumar traz vantagens a curto e longo prazo, veja algumas.

Compartilhe com um amigo: