Uma nova maneira de pensar
24 de julho de 2019
Pedagogia
6 de agosto de 2019

Ame a si mesmo

Você gosta de você? Se não gosta, é possível aprender a gostar. Você pode aprender agora mesmo a ser gentil, amável e carinhoso com você mesmo. Se está acostumado a ser muito crítico e duro consigo mesmo, aprender a ser gentil com você mesmo pode ser exigir um esforço concentrado. Mas vale a pena!

Quando uma pessoa não gosta de si mesma, ela pode ficar vivendo com sentimentos negativos que pode ter sido originados quando era criança e que surgiram porque podem ter havido maus tratos. Daí você aprende a se maltratar também E fica fazendo isto por muitos anos depois na sua vida!

Vamos parar com isto, claro, se isto existem você. Você pode começar a dar tratamento carinhoso e respeitoso a si mesmo. Em vez de se criticar, diga que fez o melhor que pôde nesse momento de sua vida, de seu dia. Você não tentou fazer seu melhor? Então, para que se criticar?

Você pode despertar de manhã e dizer a si mesmo que merece um dia bom. Pode decidir cuidar bem de si durante o dia. Pode reconhecer que merece amor. Pode fazer alguma coisa carinhosa para você mesmo. Pode amar as outras pessoas e deixar que elas amem você.

Quando alguém fizer um elogio, ao invés de dizer ou pensar “Ah! Isso qualquer um faz!”, pare com esse pensamento depreciador de si mesmo e diga: “Muito obrigado!” Dê parabéns a você mesmo, aí no seu coração!

As pessoas que realmente amam a si mesmas não se tornam destrutivamente centralizadoras. Não abusam de outras. As pessoas que se amam, aprendem a amar os outros também. Elas continuamente se transformam em pessoas mais saudáveis.

Ame a si mesmo hoje!

(Adaptado de “A Linguagem da Liberdade” de Melody Beattie, p. 155, 156, Ed. Record 1999) 

Cesar Vasconcellos de Souza – Médico Psiquiatra, apresentador do programa Claramente é amigo e colaborador do Cada Dia.

Comentários