O que não significa o Natal
19 de dezembro de 2018
Cólicas Menstruais e TPM: “livre-se delas!”
2 de janeiro de 2019

Ano Novo

Ano Novo, 

Não é preciso fazer grandes transformações. Mudar algumas atitudes pode fazer de você uma pessoa melhor em 2019. 

Atire a primeira pedra quem nunca se propôs a mudar em cada ano que se inicia. Alguns prometem envolver-se de corpo e alma em alguma causa social; outros, recuperar laços afetivos com amigos e familiares, perdidos por causa da correria do dia-a-dia. Há aqueles, ainda, que planejam perder 20 quilos no primeiro trimestre. Apesar da boa intenção, a maioria chega ao final do ano frustrada por não ter alcançado os objetivos propostos. Para que isso não aconteça novamente, invista em pequenas áreas que, ao longo do ano, vão garantir bem-estar e melhor qualidade qualidade de vida. 

O PODER DA PALAVRA 

Para fazer o bem não é preciso, necessariamente, integrar uma ONG ou fundar uma entidade beneficente. Você pode ser solidário visitando um parente ou amigo doente e dedicando a ele uma hora de boa conversa. Ajudar um colega de trabalho que está passando por um momento difícil também é uma forma de dedicação ao próximo. São pequenas áreas, mas que fazem a diferença para os dois lados. 

EM PAZ COM A BALANÇA 

Você já investiu em todas as dietas de emagrecimento e continua brigando com a balança? Antes de se lançar a novo desafio no ano que começa, tente descobrir o que o faz ter uma relação tão estreita com a comida. Pode ser algum problema de ordem emocional, fruto de um conflito interno mal resolvido. A saída é o autoconhecimento. Aprenda mais sobre si mesmo e, caso encontre dificuldades, busque ajuda especializada. 

SÓ EXISTE O HOJE 

Quer frase mais batida, porém verdadeira, do que errar é humano? Portanto, esqueça o passado e perdoe-se pelos seus tropeços. Guarde na lembrança apenas o aprendizado que ganhou com o erro cometido. Todos estamos sujeitos a falhas e deslizes ao longo da vida. Da mesma forma, não tente adivinhar seu futuro apenas para sofrer antecipadamente. Seus receios podem não se concretizar e você está desperdiçando energia a toa. O que vale é viver o hoje da melhor forma possível. 

O VALOR DO SIL NCIO 

Muitas vezes o silêncio é mais poderoso e eficiente do que mil palavras. Não se sinta na obrigação de ter resposta para tudo e para todos. Só de ouvir o desabafo de algum amigo, sem julgar ou criticá-lo, você estará colaborando para que ele se sinta melhor. Poupe as palavras também durante discussões que não levam a nada. Nessas horas costumamos falar o que não devemos e ouvir o que não queremos. O silêncio, nesses casos, pode ser o negociador do conflito. 

Comentários