Seminário Amor e Perdão
3 de agosto de 2018
Empréstimo consignado: antes de aderir, analise prós e contras
8 de agosto de 2018

Cais

Seguro Cais onde ancoro minha alma
Porto do navio da minha vida
Farol que ilumina meu rumo
Força que me indica o caminho

Deus pai, ombro seguro
da insegura parte de mim
Mão que ampara meu abandono
Braço que sustenta meu ser impuro

Ensina-me Paio caminho reto
desvia-me dos trilhos obscuros
que a minha pena sirva de acalanto
que meu pranto seja justo.

Que as minhas palavras sejam lavras
de um vulcão perene de paz
que o amor contamine minha poesia
que Teu coração alivie minha agonia

Ó Pai! Perdoa as vezes  em que duvidei
de Tuas linhas tortas…
Dá-me o máximo de sabedoria
para entender o que me dizes
Nos dias em que eu mais de TI precise!

Perdoa pai, tua pobre filha
Que ousa escrever Teu nome
Que eu não peque por usá-lo em vão.
És a mais pura Verdade
instaurada em meu coração!

 

Aline Romariz é pedagoga, possui doutorado em educação especial. Atua pelo MEC dando palestra para professores sobre a inclusão de crianças especiais.

Comentários