Experiência social da UNICEF
16 de agosto de 2016
6 frases “fatais” na entrevista de emprego
17 de agosto de 2016

O que é pele sensível?

A sensibilidade da pele varia de pessoa para pessoa.

61% das mulheres brasileiras possui pele sensível. E você?

Identificar os cuidados específicos para cada tipo de pele ajuda a evitar reações indesejadas.

Para ter uma peie saudável é importante seguir determinadas etapas de cuidado diário.

  1. Limpeza
  2. Cuidado / hidratação
  3. Proteção solar

Sua pele costuma reagir com mudanças climáticas ingestão de alimentos apimentados ou com determina dos tipos de cosméticos? Você já apresentou algum tipo de inflamação da pele, como dermatite atópica? Estas outras características definem uma pele sensível.

A sensibilidade pode se apresentar de várias formas independente do tipo de pele (normais, mistas, oleosas ou secas). Esta pode ser identificada através de exames médicos, podendo ser de origem genética ou extrínseca ao organismo.

As reações da pele sensível podem ser derivadas de alergia e/ou hipersensibilidade (alimentos, cosméticos mudanças do ambiente etc); de tratamentos estéticos (peeling, laser); ou ser de origem vascular (como rosácea e acne).

Essa hiper-reatividade pode ser entendida como uma diminuição do nível de tolerância da pele aos estímulo que habitualmente são bem tolerados.

Níveis de sensibilidade

Os níveis de sensibilidade da pele são identificados de acordo com a intensidade das reações que lhe ocorrem.

O desconforto da pele pode ser descrito por sensações de calor, ardência, formigamento, vermelhidão e até coceira. É importante entender que esta reação não é alérgica, mas em caso de persistência, estes sinais devem ser devidamente avaliados.

Consulte sempre seu dermatologista

Para cuidar de uma pele sensível é importante avaliá-la. Somente o seu dermatologista está capacitado a identificar o nível de sensibilidade da pele e fazer a indicação correta dos produtos e medicamentos adequados.

Comentários